Desemprego - fique sempre de alerta

DESEMPREGO - Perder o emprego é o pesadelo de muita gente. Mas, pior do que ficar desempregado, é não ter como manter-se enquanto procura por uma nova colocação.
Não tem hora para acontecer, pode ocorrer com qualquer um, a qualquer momento, porisso você deve estar preparado para esse eventual acontecimento.
Seje precavido! Tenha uma reserva de dinheiro de no mínimo 3 meses do seu salário para garantir seu sustento e o de sua família se por acaso ficar sem emprego.

Para evitar situações como esta, acompanhe essas dicas:

1 - O ideal é começar a poupar antes que qualquer emergência aconteça. Por isso, poupe pelo menos 10% do salário todos os meses. O melhor é retirar a quantia e separar assim que o dinheiro for recebido. O valor pode ser utilizado em algum investimento de baixo risco e não deve ser mexido nunca, a não ser em casos de emergência.

2 - Quem trabalhava com registro em carteira pode recorrer ao FGTS ou ao seguro-desemprego caso não tenha sido demitido por justa causa ou pedido demissão. Apesar de não durar para sempre, a quantia serve para segurar o orçamento por alguns meses.

3 - Livre-se de todas as dívidas extras acumuladas. No caso de quem tem dívidas antigas, uma saída pode ser a renegociação ou até mesmo suspender o pagamento temporariamente. Entretanto, esta opção pode ser arriscada devido aos juros cobrados e só deve ser levada em conta em último caso.

4 - Livre-se das despesas extras. Controle o seu lado consumidor, só compre o que achar necessário!


Lembre-se:

A falta de dinheiro implica em mudança de estilo de vida, o desemprego pode levar ao fim de um casamento. Saiba administrar seu dinheiro e POUPAR enquanto pode!